Adeus, Frodinho!


Esta foi nossa última foto juntos. Frodo e eu. Tirada no dia 15 de Dezembro, no meio da tarde. Eu estava usando o computador e ele veio para o meu colo. E comecei a fazer confuné no meu filhote e tirar fotos. Eu já estava no clima de despedida. Já era evidente que ele estava perdendo a luta para os problemas de saúde. Respiração cada vez mais difícil, coraçãozinho cada vez mais descontrolado.

Estas últimas semanas foram bem aflitivas. Muitas consultas com veterinários, muitos exames, remédios,internações, tudo na tentativa de fazer o meu Frodinho se sentir melhor. Mas nada adiantou. Nada. A cada dia ele parecia mais cansado. Foi muito difícil lidar com o Frodo em câmera lenta, cansado, triste. Ele sempre foi muito ativo e serelepe.  Nestes dias difíceis, eu ficava feliz quando dava uma bronca nele! Vê-lo aprontando era sinal de esperança, sinal que ele estava reagindo. Eu me agarrava em qualquer fiozinho de esperança, mesmo a realidade me mostrando o contrário. 



Esta foto foi a última do Frodo juntinho do Sam, tirada dia 14 de Dezembro, assim que voltei pra casa. Pensar no Sam me angustia. Agora está sozinho, sem o irmão e não tem como explicarmos o que aconteceu. Mas eu acho que ele sabe de alguma forma, pois ele estava perto quando o Frodo passou mal no domingo, quando começou nossos piores momentos. 

No início da tarde de domingo, Frodo começou a ter falta de ar. Algo bem forte, foi muito assustador. Wally e eu saímos correndo com ele até o pronto-socorro veterinário. Atendimento de emergência. Ele recebeu oxigênio e ficou internado para receber todos os cuidados para alivar o desconforto dele.  Mas ele não melhorou.  Não conseguia mais respirar sozinho, não reagia à medicação. Ele estava muito fraquinho. 

Ontem a noite nos despedimos dele. Ele não tinha perspectivas de melhora, seria crueldade mantê-lo ali, sofrendo por nada. Foi muito difícil o momento da despedida, o momento de confirmar a decisão de deixá-lo descansar. Senti um dor imensa, mas senti um grande alívio também, pois o meu filhote se livrou da agonia.

Agora é deixar o tempo cuidar de tudo, deixar a vida seguir, para que logo as lembranças dele me façam sorrir. Frodinho me fez muito feliz. Ele alegrava meus dias, me acolhia quando eu não estava muito bem, enfim, foi um grande companheiro durante estes quase 14 anos que ficamos juntos. 

Frodinho, você sempre estará comigo! Sempre fará muita falta! 



Comentários

  1. Frodo está lá no céu dos gatos junto com muitos outros amiguinhos sendo fofo, feliz e serelepe. Não deixa de ser triste, mas pra ele agora está tudo bem. Força, Patry ;-)

    ResponderExcluir
  2. triste. é muito difícil. um grande vazio. e com dó do sam. mas acho q eles percebem mesmo. se cuida.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta