Post carnavalesco

Está virando tradição. Sábado fui assistir ao desfile das escolas de samba aqui em São Paulo. Foi a terceira vez consecutiva. Este ano fui com Wally, Tininha e Sugarbaby. Tivemos sorte e a noite foi linda, com temperatura agradável e nadinha de chuva. Ficamos na arquibancada C, a melhor do sambódromo e levamos até marmita! Para que ninguém passasse fome ou tivesse que ficar horas na fila da lanchonete, levamos alguns sanduiches, que estavam uma delícia e que nos ajudaram a aguentar firme a noite toda no sambódromo.

Nesta noite vi o desfile da campeã deste ano, Mocidade Alegre. Foi um belo desfile e foi a escola que apresentou o carro alegórico que eu mais gostei, que é este da foto acima. O samba também estava bonito e até "cantável". Os sambas-enredo estão cada vez mais rebuscados e ruins de cantar. Um ou outro tem o refrão bom que anima a galera. O da Mocidade animou o público, diferentemente do samba da Vai-Vai que fez o povo desanimar e me deu um sono tremendo, quase dormi na arquibancada. Por isso torci muito contra a Vai-Vai, pois fez um desfile confuso, desanimado e com um samba que tinha uma letra enigmática, com expressões como "globalização microbiana".




A bateria da Mocidade me animou bastante, foi empolgante quando ela passou na nossa frente.

O samba que mais gostei foi da escola Pérola Negra, cantei muito este samba e me empolguei com o lindo desfile sobre a Índia, as fantasias e os carros estavam maravilhosos, como este da foto acima. Outra coisa que me encantou foi a comissão de frente da Leandro de Itaquera, com os integrantes de branco e com o rosto maquiado.

Minha grande curiosidade nesta noite de desfile era assistir a apresentação da Gaviões da Fiel. E a escola correspondeu às minhas expectativas e me fez cantar com ela. Sim, eu são-paulina deste criancinha cantei e dancei com a escola da torcida adversária. Eu sempre gostei dos desfiles da Gaviões e foi muito legal vê-la ao vivo. Quem se empolgou mesmo foi a corintiana da turma, Tininha até chorou de emoção durante o desfile da sua escola do coração.





A bateria da Gaviões empolgou o público e fez todo mundo cantar o samba. Eu cantei muito durante este desfile.
Ficamos no sambódromo até o sol raiar. Confesso que foi difícil aguentar até o fim, pois os dois últimos desfiles foram chatinhos e isso fez todo o cansaço aflorar. Mas eu resisti, pois queria muito ver o tigre enorme da Império da Casa Verde. E valeu esperar, ele era lindo e gigantesco. Fiquei encantada e surpresa ao notar que ele "respirava" e "rugia". Fizeram o gatão bem caprichado.

Foi uma noite maravilhosa e que rendeu cerca de 300 fotos. Coloquei parte delas no Picasa. Para vê-las clique AQUI. E agora é esperar pelo carnaval do ano que vem. :)



Comentários

  1. amiga, acredita que achei que era a segunda vez? já a terceira? que bacana. eu a única vez q fui no rj fui embora as seis, mais estava nos cansando. e a mocidade ganhou. os vídeos ficaram bem bacana.s beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. adorei ter ido de novo!!! mas a ultima confesso q nao aguentei e dormi... :) ano que vem acho q irei de novo :D

    ResponderExcluir
  3. Pedrita, eu estou virando frequentadora assídua do sambódromo! Muito melhor ver ao vivo que na tv!

    Sugar, este ano tivemos azar que o fui foi ruim, mas sempre vale a pena! Tem muita coisa linda!


    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Patry,

    Realmente, foi uma noite agradabilíssima e me diverti bastante.
    Agradeço-a por todo empenho: compra dos ingressos, sanduíches, que estavam uma delícia, fotos, carona de ida e volta e a companhia...
    Pode abrir sua agência de organizações carnavalescas.

    Muito obrigada...

    Beijos

    Tininha

    ResponderExcluir
  5. Tininha, fico feliz que tenha gostado! :) Já estou virando foliã experiente no quesito desfile de escola de samba! :)

    Beijos e ano que vem tem mais!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Meus Furacõezinhos!

Ovono