Sou a passageira...

A renovação da minha carta de motorista foi mais atribulada do que eu pensava. Achei que o mais complicado seria a etapa da prova. Que nada, o mais difícil foi a renovação de fato no Poupa Tempo. Na verdade eu tive um azar danado. Pois o serviço do Poupa Tempo é muito bom, mesmo. Quando troquei todos meus documentos por causa do nome de casada foi uma maravilha. Fiz tudo rapidinho e sem problemas. Mas desta vez não tive a mesma sorte. Fui com a Sugarbaby na segunda-feira de manhã, às 7 da matina já estávamos lá, para fazer os trâmites. Tudo correu bem e oito pouco já estávamos a caminho do meu trabalho. Mas a minha alegria durou pouco. Umas 10 e tanto recebi uma ligação do Poupa Tempo falando que eu teria que voltar lá para assinar o formulário de novo porque o scanner não "lia" a assinatura ( havia uma manchinha de nada na área da assinatura!). Pode? Bom, saí correndo do trabalho e fui. Me perdi um pouco, mas cheguei lá, assinei o papel. Sugarbaby foi me resgatar lá e me levou para o trabalho de volta. Ufa. Foi uma correiria! Mas no fim tudo deu certo. A carta está renovada.
Agora é a blogueira aqui se animar para pegar no volante. Sim, não dirijo há tempos. Acho que desde que eu tinha uns 20 anos. Eu tirei carta e fui fazer faculdade em Bauru. Quando vinha de fim de semana para cá vez ou outra dirigia a Marajó branca do meu pai , mas aí a coisa foi espaçando e quando dei conta eu não pegava na direção há séculos! E assim virei passageira! Confesso que me acomodei no lugar do passageiro. Hoje vejo a loucura que é o trânsito aqui de SP e não me animo em dirigir. Falta coragem. Mas estou pensando com carinho na possibilidade de voltar a ser uma motorista. A carta regularizada eu já tenho.

Comentários

  1. oi querida, trabalho desde muito cedo, em outra profissão e o carro foi um alívio. eu tinha compromissos em vários lugares da cidade e era impossível ficar sem carro. hoje é a mesma coisa, preciso de agilidade, o que o transporte público não dá. e preciso em horários que é mais infernal ainda. há pouca condução depois das 22hs. sem carro é impossível. então acostumei. apesar que sempre amei dirigir. e foi azar mesmo no poupatempo, porque é sempre tudo muito tranquilo. eu também dei azar, ando sem óculos, mas sempre tenho na bolsa, não é que não estava na hora do exame? tive que voltar outro dia. mas entendo porque a segurança é necessária e foi um acaso não estar na minha bolsa porque nunca saio sem meus óculos na bolsa. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. Eu acho o Poupatempo a melhor coisa que o governo criou nos últimos tempos! Como facilita a nossa vida! Os despachantes já não podem dizer a mesma coisa...hahaha!!!

    Patry, você vai ver só: daqui a pouco seu carro será praticamente uma extensão do seu corpo...

    ResponderExcluir
  3. não é q vc está em uma foto no site diva? http://www.divaonline.com.br/sementes/

    ResponderExcluir
  4. Pedrita, dirigir faz muita diferença memso na nossa cidade que tem o trasnporte público deficiente. Eu ainda crio coragem!

    Fê, que bom te ver aqui ! Estava com saudades!

    Pedrita, achei um link qu eleva direto para a foto do DIVA e não precisa de senha:

    http://www.divaonline.com.br/sementes/images/fotos/eventos/IMG_8381.jpg

    A blogueira tá ficando famosa! Eheheheh! Acredita que nem vi eles tirando a foto?

    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Para falar a verdade eu curto a independ6encia de ter carro, mas odeio dirigir. Se eu fosse rica meu primeiro luxo seria ter um motorista. Às vezes penso em trilhar o caminho inverso. Me mudar para um lugar mais central e vender meu carro.

    ResponderExcluir
  6. bem achoq ta mais que na hora.. acho que vc nao guenta o transito de sampa diariamente mas seria bom de vez em qdo dar uma folga p; o walter, nao???

    ResponderExcluir
  7. Eu também AMO ser passageira. Talvez por isso minha implicância toda agora que estou tirando a tal carta. Estou fazendo isso quase obrigada, porque é aquela história: eu preciso entender que eu não dirijo porque não QUERO e não porque não POSSO.

    bjk!

    ResponderExcluir
  8. Déia, ter motorista deve ser bom! Mas também o motorista deve tirar a privacidade... sei lá...

    Sugar, estou pensando com carinho na possibilidade de guiar de novo...veremos!

    Helen, eu te entendo! Mas a pressão para sermos motoristas é grande!!! Eu que sei!

    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Eu tenho carteira tbm, mas nao dirijo. Nem tenho planos de faze-lo. Como sempre digo: para o bem da humanidade!

    ResponderExcluir
  10. Eu tenho carteira tbm, mas nao dirijo. Nem tenho planos de faze-lo. Como sempre digo: para o bem da humanidade!

    ResponderExcluir
  11. Nunca usei o poupa tempo, aqui em sorocaba eu sei q as vezes montam uns postos perto dos terminais de onibus, mas nao sei se tem em outro lugar... ah, quanto a dar azar, parece q eh sempre qdo a gente menos precisa que dê errado né? mas pelo menos já está tudo certo! E é só pegar o carro algumas vezes pra acostumar a dirigir! Eu gosto de dirigir, mas quem nao gostaria de viver como passageiro? Muito mais fácil, nao precisa prestar atencao em nada... hehehe. Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Mari, você sei que é uma passageira já em carater definitivo. Eu ainda estou pensando em virar motorista!

    Rê, pelo menos dei azar na hora de fazer a carta e não na hora da prova! Você tem razar, ficar andando de carro sem ter que se preocupar é ótimo! ;)

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Meus Furacõezinhos!

Ovono