Naveguei!





Foi uma semana  em que parecia que eu estava em outro mundo. Da janela da minha cabine eu só via água, ora azul quando estávamos no mar, ora marrom quando passamos pelo Rio da Prata. Muitas vezes eu olhava para a janela e duvidava que aquilo era real. Muito lindo. Passei muito tempo admirando o mar da varanda da cabine. Paisagem completamente diferente daque estou acostumada, afinal vivo em São Paulo e para onde olho só vejo prédios, carros e aviões. Da janela da minha cabine via somente água e navios. Foi uma viagem completamente diferente de tudo que já havia feito na vida. O fato de ser tudo novo me trouxe entusiasmo e um pouco de medo. Afinal, eu iria enjoar ou não no navio? Para minha surpresa me habituei bem ao mexe-mexe do navio. O balançar é constante, só para quando o navio atraca no porto. Fiquei mareada 2 vezes somente, mas nada muito forte. A primeira mareada foi logo na primeira noite, mas aguentei firme, fiz questão de enfrentar a sensação desconfortável, que aos poucos foi sumindo. E não senti medo de nada, estava maravilhada com o navio. O meu encantamento com tudo sufocou qualquer medo que eu pudesse sentir por estar no meio do mar, bem longe de qualquer pedaço de terra. 

  

 Viajei no navio Splendour Of The Seas da Royal Caribbean, que é este navio lindão que aparece nas fotos acima, tiradas nos portos de Montevideo e Punta Del Este. Achei o navio enorme. São 11 andares (ou decks) e o navio acomoda mais de 2000 passageiros (fora os tripulantes que são centenas!). Para meu total espanto, este navio é o menor da frota da companhia. Fiquei chocada, pois para mim ele pareceu imenso. Os outros devem ser absurdamente grandes. Wally e eu ficamos na cabine 7616 no deck 7. Lá foi nossa casa por uma semana, uma casa muito confortável e com varanda!

  
O bom de uma viagem de navio que a viagem propriamente dita já começa logo no embarque. Subimos no navio e já estávamos curtindo as férias! Não perdemos tempo com o transporte para chegarmos ao local das férias, nosso hotel já era o próprio meio de transporte. Não houve tempo perdido com traslados e coisas assim, que são comuns em viagens de avião ou ônibus. 




A partida do navio foi empolgante. Nós ficamos no deck 10  para observar as praias de Santos e descobrimos que a partida de um navio cruzeiro é praticamente uma festa para quem está em terra e no mar. As pessoas da praia acenavam para o navio e quando me dei conta, havia muitos jet skis acompanhando a partida do navio. Eram muitos bem pertinho da gente acenando e celebrando a partida do cruzeiro. Eu achei muito lindo e dei tchauzinho para todo mundo. Achava que isso, de acenar para um navio que está partindo, acontecia só em filmes. 


 
No navio o cartão de embarque se tornou o meu companheiro inseparável. Ele é a identidade do passageiro no navio, é usado tanto para pagar as despesas feitas em bordo, como é o documento exigido para desembarcar e embarcar nas paradas da viagem. No final da viagem, as despesas feitas dentro no navio são repassadas para o cartão de crédito vinculado ao cartão de embarque, assim não é preciso andar com dinheiro dentro do navio, salvo se deseja apostar no casino. O cartão informa o número da cabine, a data de início da viagem e o meu horário de jantar, bem como a mesa.  Este horário foi definido no momento da compra da viagem. Há dois turnos de jantar neste navio: às 19:30 e às 22:00 horas. As outras refeições tem horários mais flexíveis. Depois vou comentar sobre as delícias oferecidas a bordo, que merecem um post à parte. Mas adianto que comi muito bem.  Todas as refeições ( incluindo sobremesas ) estavam incluídas no pacote, somente algumas bebidas eram pagas à parte, como refrigerantes e bebidas alcoólicas. Dentro do pacote eram oferecidos chá (quente e gelado) , limonada, suco de laranja, café e leite, que ficavam à disposição do passageiro 24 horas por dia. 
Foi uma semana incrível. Aproveitei bem tudo, só não fiz a escalada  e não joguei golf, acho que não  teria coordenação suficiente para conciliar as duas atividades com o balançar do navio.  Em alguns momentos era impossível até andar em linha reta!  Muito inusitado viver balançando sem parar. Já sinto falta do balancê do navio e das maravilhas que vivi à bordo do Splendour of The Seas.   E a viagem vai render muitos posts.  Prometo que volto logo para contar um pouco da viagem!


Nota da blogueira: Cliquem nas fotos para ver melhor. Pretendo colocar muitas fotos no blog, já estou na árdua missão de selecionar as fotos que publicarei aqui dentre as mais de 700 tiradas na viagem. 

Nota da blogqueira 2: Ainda estou de férias, assim o blog também anda em ritmo de férias, por isso as postagens podem se espaçar um pouco, mas não muito. Prometo.

Comentários

  1. OI Marion
    Que bom que curtiu bastante, eu aposto que foi incrivel... eu "morei" num barco tambem, só que bem menor e com acomodações bem mais singelas.
    Não sei se o balanço do mar é igual ao do rio, mas aqui balança muito, eu tenho certinha a imagem de só a´gua a minha volta, já que naveguei num rio mar..
    Curte bem as ferias
    Bjao

    ResponderExcluir
  2. Gammelo, balança muito. E navegamos por rio e por mar. Balança igual. O rio da Prata é muito grande, assim , mesmo no rio, a gente via só água, sem nada de terra por perto. Mas vc passou muito tempo no barco???

    Sugar, vc verá! :)

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Oi Marion.

    Sabe, nunca viajei de navio mas morro de curiosidade.
    Quem sabe um dia...

    Bjs.
    Elvira

    ResponderExcluir
  4. Pelo jeito a viagem foi ótima, que empolgação! Quero ver mais fotos e saber o que vcs viram de legal por lá! Já que fazer um cruzeiro está longe na minha lista de prioridades (primeiro preciso conhecer a europa hahahaha) fico "aproveitando" a viagem dos outros, rs :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Elvi, faça um cruzeiro. Agora vou recomendar isso pra todo mundo. É legal de verdade!

    Rê, vá para a Europa de navio, aí vc junta tudo! Vou colocar mais fotos aqui e depois devo subir no PIcasa, mas ainda estou perdida no meio de tanta foto e tanta lembranças! Foi a viagem dos sonhos! :)


    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Que viagem maravilhosa! Eu ainda não tive coragem de fazer um cruzeiro ainda. Mas quem sabe um dia? Estou ansiosa para ver as outras fotos. :) Mas pelo seu post sei que vocês curtiram muito essa viagem! :)) Bj
    Clau

    ResponderExcluir
  7. adorei essa primeira foto. muito legal. bom, gostei de todas, mas achei q resume bem hehe. eu adoro ficar olhando a água, deve ser emocionante de um barco. bonita a foto do navio. linda essa foto tb q tiraram de vcs juntos. e essa blusa rosa ficou muito bem em vc, ficou iluminada. boas férias e aproveite bastante. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  8. Clau, crie coragem! Te garanto que é bem tranquilo. :) Logo coloco mais fotos aqui.

    Pedrita, eu me encantei com o mar. Ficava um tempão olhando para aquela água sem fim. Que bom que gostou das fotos. Obrigada! Beijos

    ResponderExcluir
  9. Que bom que foi maravilhoso. Vcs merecem.

    Pretendo fazer um cruzeiro logo, logo para saber como é.

    Bjs.

    P.S.: E os gatos? Estavam subindo pelas paredes de saudades?

    ResponderExcluir
  10. Hellen, tenho certeza que vai adorar. Faça sim. Aliás, ando falando isso pra todo mundo agora, tem que fazer ao menos 1 cruzeiro na vida!
    Os gatos ficaram carentes, mas o Sam era de longe o mais histérico. Mas ficaram super bem, sendo mimados pela minha mãe e pelo meu primo que se revezavam pra cuidar deles.

    Beijos

    ResponderExcluir
  11. É. Eu e marido estamos combinando. Mas também quero como o seu: com roteiro internacional. Pois os que ficam só aqui pelo Brasil não estão com a fama "lá muito boa"...

    ResponderExcluir
  12. Parece ter sido ótimo, fiquei com vontade!!!
    E sabe o que eu descobri? Tenho outra amiga, daqui de Goiânia, que também estava em um cruzeiro da Royal Caribbean... Foi durante a mesma semana que você, mas acho que deve ter sido outro navio, não sei, porque no álbum de fotos dela está escrito "Vision of the seas", ao invés de "Splendour", como vc escreveu aqui.

    Mas enfim, aguardo pelo post sobre as comidas, que são parte importantíssima de toda viagem! hahaha
    Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Hellen, não sei se o roteiro influi na qualidade do cruzeiro, pois o navio que eu viajei tb faz roteiros dentro do Brasil. Tem que ver a companhia mesmo.

    Rê, sua amiga viajou num navio maior.Pelo que eu sei tem 3 navios da Royal Caribbean no Brasil agora neste começo de ano. Ah, menino, comi taaaaaaaaaanto na viagem! Tanto que agora entrei em dieta rs.

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta