Notebook Em Pane




A minha intenção era postar sobre o Central Park, mas como fazê-lo sem meu notebook? Não sei o que houve, sei apenas que ele está travado nesta tela azul e não desliga. Para desligá-lo tive que tirar a bateria. Tentei ligar novamente e voltou para a tela azul. Desisti. Não tenho conhecimento suficiente nem para entender o que está acontecendo e muito menos para arrumar a situação.  No momento escrevo  com o netbook do Wally, um ASUS pequenininho. 

Poderia pegar as fotos do parque e postar, mas desanimei só de pensar que teria que escolher as fotos novamente e editá-las ( na verdade diminuir o tamanho). Preferi adiar o post até saber se meu notebook sobreviverá a esta pane ou não. 

... ...

 Hoje cedo reparei que meu ritmo  de blogar havia mudado.  Não tenho consegui blogar diariamente, tenho postado em dias alternados. Não foi nada planejado, apenas aconteceu. Antes só havia acontecido mudanças relacionadas ao horário de escrever, mas não à frequência. Houve épocas que eu postava logo cedinho, outras que escrevia de tarde e ultimamente estou na fase de escrever durante a noite. É algo que eu não tenho controle, simplesmente acontece.  A inspiração não é algo palpável ou mesmo controlável. 

Em escrevia aqui 5 vezes por semana por pura teimosia. Acho que a inspiração aparecia umas 3 vezes por semana e os outros dias eu me forçava a escrever. Sempre deu certo e mesmo posts escritos por 'obrigação' ficavam muito bons. Eu mesma ficava supresa com isso. Acho que acabei aprendendo um método para postar mesmo sem muita inspiração, aprendi a fazer posts sobre qualquer assunto.   Tenho certeza que é por conta desta minha teimosia que este blog existe até hoje, pois se eu deixasse me levar apenas pela inspiração, eu já teria abandonado o blog por pura preguiça.  Escrever é muito bom, mas dá trabalho!  Transcrever as idéias ou lembranças é complicado e misterioso. Às vezes os posts saem de imediato, prontos da minha cabeça. Outros demoram para engrenar, tenho que escrever umas quinhentas vezes até achar que ficou do jeito que eu queria. Por mais que tenha até criado ou descoberto um método para blogar com frqquência, eu não tenho idéia como a minha inspiração é ativada. Ela parece ter vontade própria.   Enfim, escrever para mim é uma atividade essencial. Não sei viver sem escrever, até arrisco dizer que hoje  não sei  mais viver sem o meu blog.  A frequência de posts pode mudar, posso mudar os meus horários de blogar, mas nunca deixarei de escrever.

Bom, prometo que logo que possível retomo os posts da viagem. É, como eu previa, os posts sobre a viagem estão intermináveis! :) 



 

 

Comentários

  1. eu posto em geral a cada dois dias. mas isso tb varia, já tenho regras demais pra meu blog ser uma regra tb. gosto tb de postar de manhã, mas se der na telha mudo. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. A inspiração é um exercício, quando mais a gente escreve mais fácil fica. Eu estou completamente travada e olha que já fui super inspirada no passado e amo escrever, mas tenho feito isso tão pouco que quando tento fica tudo meio forçado, não gosto. Sei que é questão de acostumar novamente, mas não dá tempo e me chateio com isso. Eu adoro seu jeito de blogar, posts super variados e você sabe se expressar muito bem sem enrolar (diferente de mim que posso escrever um livro pra cada assunto que inventar rs) e acho ótimo o blog ter tanta importância pra você porque é uma coisa deliciosa de se fazer :)
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rê, eu não sei encher linguiça e isso era um problema na época da escola e da faculdade. Sempre terminada a redação com metade do tamanho que era pedido e sofria para aumentar o tamanho o texto.

      Beijos

      Excluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta