Relações Complicadas




As relações interpessoais podem ser bem complicadas. O que deveria ser algo leve, que trouxesse somente coisas boas, pode acabar em algo que traz sofrimento e brigas. E de quem é a culpa? Muitas vezes, de nós mesmos e não do outro.   Claro que é mais fácil jogar a culpa no outro, mas se pensarmos bem,  o grande culpado sempre somos nós, simplesmente porque esperamos do outro muito mais do que ele pode nos oferecer.   Cometemos o grande equívoco de achar que o outro  ama e que demonstra o amor da mesma forma que nós.  Por pensar assim, falsas expectativas são criadas e com elas chegam as decepções. 

Este tipo de situação ocorre em qualquer tipo de relação, seja entre amigos, namorados, pais e filhos, etc.  Um sempre vai cobrar do outro mais atenção, mais carinho, por achar que o amor que recebe não é suficiente. Isso só gera stress  e acaba deteriorando o sentimento da outra pessoa. O problema é saber gerenciar a própria carência, ter a consciência que é um problema nosso e não do outro.  Eu já consegui melhorar bastante neste quesito, mas ainda me vejo criando falsas expectativas em relação aos outros.  Mas vejo gente que não tem ainda esta percepção, gente que sufoca o outro com cobranças absurdas e chantagens emocionais. Chega a ser chocante, pois isso perturba muito quem é cobrado. O outro fica sem saber o que fazer e por mais que tente, não consegue convencer a outra pessoa sobre o seu sentimento.  Situação delicada e sem uma solução fácil. 

Será que um dia as pessoas vão ter maturidade emocional para saber se relacionar bem com os outros, sem exigências absurdas?  Pelo que vejo por aí, acho que isso ainda vai demorar muito.  Desanimador. 




Comentários

  1. não sei se somos sempre os culpados das relações desandarem. acho q às vezes o outro é culpado. a questão é como lidamos com isso e como resolvemos. se ficamos insistindo em algo ruim, aí realmente, nós somos culpados de não solucionarmos a questão. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. Acho que a culpa pode ser de ambas as partes. De um lado criamos expectativas mas do outro lado, as pessoas podem nem perceber aquilo que estamos querendo.
    Bjs.
    Elvira
    http://evipensieri.wordpress.com/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta