Dilema



Sempre comprei produtos  de higiene e beleza em farmácia e supermercados.  Nunca gastei muito com  shampoos, hidratantes, sabonetes e cia.  Produtos bons de marcas bem conhecidas e preço acessíveis. Um produto que uso todo santo dia é creme hidratante, que sempre passo após o banho. Geralmente compro  das marcas Nivea ou Johnson, vou variando apenas o aroma, para não enjoar.  Estava feliz com eles até conhecer a loção hidratante da linha Leite de Cabra da Body Store. Um dia fui comprar um presente na loja e ganhei uma amostra desta loção.  Experimentei e gostei muito. Passou um tempo e resolvi comprar um frasco deste hidratante. Fiquei mais fã ainda da loção e agora estou num dilema. 

Os hidratantes que eu costumo comprar custam  no máximo 10 reais o frasco com 200ml.  Este hisdratante da Body Store sai por R$ 49, 90 o frasco com 250ml.   Uma diferença de preço considerável. Para mim é muito dinheiro por um produto cosmético, mesmo o produto sendo de qualidade. Depois que a loção da Body Store acabou, voltei a usar o hidratante corporal da  Nivea e senti muita diferença. Estou com saudades da loção da Body Store e agora não sei o que fazer. Sei que vou sentir  culpa por gastar tanto num frasco de loção hidratante. Sei também que se continuar a usar os de costume, vou continuar com a pela bem hidratada como deve ser.  Penso que uma solução razoável para amenizar a minha culpa seria ficar intercalando os produtos, assim não gastaria tanto. 

Nas revistas sempre vejo produtos cosméticos ultra-hiper-mega-caros e sempre me perguntei quem tinha coragem de gastar tanto com coisas assim.  Sempre achei desperdício gastar tanto com estes produtos. Por isso estou me questionando tanto, será que continuo a usar a loção mais cara ou volto para a baratinha de sempre? Não é um despropósito gastar quase cinquentas reais numa loçao hidratante?  Eu ainda não sei. Mas sei que ainda não criei coragem de comprar outro frasco da loção de Leite de Cabra.  


Comentários

  1. Também não gasto dinheiro com cosméticos. Mas eu acho que em geral os mais caros tem um resultado melhor, nem que seja só no cheiro. Comprei um hidratante de supermercado e não tenho o mesmo prazer que tinha com o cheirinho do meu antigo da Natura (eu ganhei ele de presente, mas era TÃO gostoso que se não tivesse saído de linha eu comprava de novo), mas o resultado final dos dois é o mesmo (se bobear até melhor, porque não tenho dó de usar e capricho na dose aplicada).

    Acho que se seu consumo não for muito grande, dá pra comprar o mais caro que você gosta. Ou alternar, mas isso eu particularmente não faço, sei que acabo dando preferência pra um deles. Ou simplesmente dá um tempo e você já se acostuma com o hidratante antigo e esquece o novo :)

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Re! Gostei da tática de dar um tempo para esquecer o novo! rs Realmente eu acho caro mesmo, estou sem coragem de comprar novamente.

      Beijos

      Excluir
  2. talvez vc possa equilibrar. primeiro fazer isso q faz, anunciar seu gosto já q pode passar a ganhar. e depois usar uns 3 dos mais em conta e o 4 ser desse. eu tb amo nivea e johnson, são os q uso mais. como tenho a pele seca a dermatologista disse que tenho que usar muito creme, então uso os para pele ressecada. aí não dá pra ter dos mais caros. mas como sabem que eu uso muito, volte e meia ganho algum bacana diferente. aqueles caríssimos tb não entendo, um creme mais de 100 reais é exorbitante e não é mágico. já experimentei uns que não tem o índice de hidratação dos mais baratos. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pedrita, vou torcer para me darem de presente! rs Eu também acho que produtos caros demais não fazem sentido. Nenhum produto faz milagres.

      Beijos

      Excluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta