#LoveWins




A timeline do Facebook está bem mais colorida, grande parte dos meus contatos, assim como eu, colocou o filtro de arco-íris na foto de perfil. Esta onda colorida foi iniciada pelo Mark Zuckberg, o dono do Facebook, que criou um app que faz a transformação da fotinho de perfil para celebrar  aprovação do casamento gay nos USA. Agora lá é lei, casamentos héteros e gays têm o mesmo valor. Agora as pessoas podem se casar com seu amor, seja ele quem for, pois a lei  não vai mais causar impedimentos. 
Eu entrei na celebração. E é para comemorar muito mesmo. Mais um país concedendo direito iguais para todos seus cidadãos. Que isso seja cada vez mais frequente! 


Muitos dos cri-cris de plantão falam que ninguém celebrou quando aqui no Brasil saiu a autorização para  o casamento entre pessoas do mesmo sexo. Eu celebrei sim e muitos que eu conheço também! Mas ainda não há uma segurança jurídica, está sujeito a contestações, pois não é uma lei de fato.   Um dia celebrarei  a lei que tornará o casamento um direito universal aqui no Brasil, não apenas para quem casa com alguém do sexo oposto. Celebrei quando isso aconteceu na Argentina há alguns anos. Lá é um direito garantido na constituição. Um dia será no Brasil.

Os cri-cris de plantão também implicaram com a multiplicação em massa de fotos de perfil coloridos, começaram a tentar desmerecer a causa, colocando a foto de uma criança desnutrida e com um texto que dizia mais ou menos assim: O dia que a causa for para acabar com a fome no mundo, me chamem!  Ou seja, o fulano  só vai se incomodar com as pessoas que passam fome no mundo o dia que houver uma campanha no Facebook para isso?  Sério, gente?  As pessoas não percebem que ao tentar atingir quem apóia a causa gay estão se auto-atingindo?   Além de faltar com respeito com a criança da fome, exibindo seu sofrimento. 

O último ataque vi, dizia algo assim: Que o único amor verdadeiro é aquele que o casal se reproduz. Pela lógica simples, este texto não só  atinge os casais gays, mas também os casais héteros que não querem ou não podem ter filhos. Ou seja, estas pessoas  acham que qualquer casamento onde o casal não tenha filhos não é legítimo!  Se continuar assim, vão começar a pregar também a proibição de casamento entre homens e mulheres estéreis e entre aqueles que não querem ter filhos, né? Cuidado com o que vocês falam, um pouco de coerência  vai bem. Para estas pessoas, o meu casamento não vale, o amor que tenho pelo meu marido não vale, pois não temos filhos e isso, aos olhos destas pessoas, é errado.  

Eu realmente não entendo tamanha raiva. Não houve provocação alguma, só mudamos as fotos, só celebramos uma conquista de diretos civis. Ninguém quer impor uma nova ordem no mundo, cada uma é livre para amar quem quiser.  Apenas queremos que todos tenham este direito. E estamos felizes que os cidadãos americanos possuam este direito agora! Viva! 



Comentários

  1. é muito bacana mesmo. direitos civis iguais. as pessoas confundem, acham que isso vai interferir nas religiões, mas incentivar o homossexualismo. infelizmente muita desinformação. se alguém perceber que é homossexual, mas por sua religião achar melhor sublimar. é direito da pessoa. as leis só estão assegurando os direitos civis das pessoas. ninguém é obrigado a nada. o casamento em cartórios, estou vivendo agora um caso próximo semelhante. o casal casou em cartório de notas. mas legalmente pouco muda. se um parceiro não quiser dar nada ao outro, só a justiça, pq a lei não assegura. no brasil não é protetora. ajudou. mas não resolve. se a família do que morreu resolver contestar o casamento no cartório de notas e reivindicar a herança, poderá vencer, pq os juízes no brasil são conservadores. concordo, então casais idosos que se apaixonam não podem casar pq não podem mais ter filhos? qt viagem. beijos, pedrita

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta