Toda nudez deve ser criticada?



Quando fiquei sabendo sobre o manifesto contra a nudez feito pelo ator Pedro Cardoso no lançamento do filme "Todo MundoTem Problemas Sexuais" achei um despropósito. Pela notícia rasa que li sobre o assunto eu fiquei com a nítida impressão que ele estava fazendo uma apologia à censura, que era veemente contra à nudez em produções artísticas. Mas está longe disso. Ontem eu tive acesso ao manifesto escrito por ele na íntegra e agora entendo seu posicionamento e concordo em partes.
É realmente visível a tentativa de atrair o público com o uso da nudez, é evidente isso em novelas, filmes, programas de variedades e propagandas. É uma maneira preguiçosa de atrair o público, pois coloca-se a pessoa seminua sem que haja realmente uma justificativa na história. Ou seja, o conteúdo fica muitas vezes em segundo plano e tenta-se fisgar a atenção do público pelo apelo visual de uma gostosa quase sem roupa e que nada tem a dizer. Eu percebia muito isso na novela Duas Caras, em muitas cenas a Alinne Moraes aparecia de lingerie mínima em cenas que ela perfeitamente poderia estar de camisola ou mesmo com roupas normais. Ficava claro naquelas cenas que a intenção era explorar a beleza da atriz e não enfatizar o conteúdo do texto. Eu me incomodo muito com a nudez gratuita, fico enojada mesmo, porque considero um recurso medíocre. Um cena de nudez bem colocada e inserida na história eu gosto. Mas vejo que é difícil acertarem o tom, é difícil não ultrapassar limite entre o bom gosto e a baixaria. Uma cena de nudez e sexo produzida pela tv brasileira que gosto muito é da minissérie Engraçadinha (1995), quando os personagens da Claudia Raia e do Alexandre Borges transam na chuva. Os dois estão nus, a cena é lindamente feita e plenamente justificada pelo roteiro, é a entrega completa de ambos ao desejo. Lindo e intenso.
Pedro Cardoso tem sua razão ao protestar contra a utilização sem controle da nudez nas produções atuais, mas discordo totalmente dele quando ele diz que o ator nu fica incapacitado de representar. Um ator de verdade tem capacidade de representar um personagem mesmo que despido de qualquer artíficio que o vincule ao persongem. E quando a cena de nu está inserida no contexto da história que se conta, o espectador vê o personagem nu e não o ator ou atriz. O ator estando mergulhado em sua personagem vai transmitir a emoção e personalidade do que representa mesmo estando nu. Nisto ele se equivocou.
O manifesto feito por ele é bom porque provocou polêmica e as pessoas estão refletindo sobre o assunto. Espero que não levem a discussão para o lado errado e que não usem isso para censurar a expressão artística. O que falta mesmo é bom senso e respeito com o público. Apelar para a nudez para atrair audiência e esconder um texto e uma produção medíocres é falta de respeito com o público.

Comentários

  1. Amiga, pelo que li numa coluna, o manifesto foi motivado por causa de uma cena de nudez que a namorada dele, a atriz Graziella Moretto, fez num filme dirigido pelo Selton Melo.
    Se foi por ciúmes ou não que ele falou isso, eu concordo. Nudismo desnecssário só p/ dar ibope é um desrespeito ao ator.
    Assim como em desfile de moda, que as modelos desfilam de top less. P/ quê?

    ResponderExcluir
  2. Minha opinião é exatamente igual à sua, então nem vou comentar. Mas sobre a reflexão que o manifesto provoca, sei não. Não li o manifesto e nem tô muito por dentro, mas o que vejo por aí é gente criticando o cara sem dar o devido peso aos vários aspectos, como você fez. Do jeito que as pessoas se acostumaram com a nudez gratuita, daqui a uns dias o assunto esfria e tudo vai ser esquecido e continuar como está hoje (e sempre piorando, claro).
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Miss Oak, eu li isso também que ele estava com ciúmes da namorada por conta de uma cena. Eu acho que esta deve ter sido a maior motivação. Mas de todo modo eu achei legal este protesto dele, acho tb que tem muita cena de nudez descenessária.

    Rê, você tem razão as pessoas só criticam sem ler direto o que ele quis dizer. É, acho que logo isso já virou história e tudo vai ficar igual... mas é legal uma pessoa do meio artístico ter se pronunciado contra a nudez gratuita.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Com certeza, a arte é muito mais que um par de peitos ou bundas empinadas. No entanto, há momentos en que a nudez expressa sentimentos e aí acho que vale a pena ser mostrada. O próprio Pedro Cardoso já fez cenas nu, na série Anos Rebeldes, mas tinha tudo a ver.

    Beijocas.

    Mari

    ResponderExcluir
  5. Tudo que é radical não é legal. Não dá pra generalizar. O problema é mesmo a apelação nas novelas. Por conta disso, todo o resto perde, porque aí fica banal.

    beijo!

    ResponderExcluir
  6. eu nem sabia que tava rolando essa polêmica.
    ótimo texto!
    beijos

    ResponderExcluir
  7. eu não concordo pela forma que foi apresentado. mas concordo quando usam a nudez ou até mesmo apelos da violência para atrair público. os programas da tarde abusam muito em passar cenas de violencia para ter ibope. mas eu concordo com vários que falam que se o ator não quer, é só ele declinar o convite. raros hj são os filmes que trazem nudez sem propósito. a lista é interminável de filmes que não tem nudez como se eu fosse você, a ostra e o vento. não é uma prática comum. são casos isolados. debater, colocar em pauta o abuso de cenas de violência e eróticas pela publicidade acho válido. mas fazer um manifesto acho exagerado. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  8. ah, e ele fazer um manifesto, ele apelou pelo exagero para gerar a polêmica e conseguir mais resultado nos seus propósitos. acabou se igualando ao que tanto acusava.

    ResponderExcluir
  9. Mari, quando está inserida no contexto a nudez realmente só melhora a cena.

    Helen, infelizmente o texto dele tem um tom radical e isso eu não gostei.

    Lu, a polêmica tá rolando desde a semana passada.

    Pedrita, eu também acho que ele exagera quando dá a entender que os atores são obrigados a fazer cenas de nu. Eu acho que isso não rola, o ator quando aceita um convite está ciente do trabalho e se acha ousado demais basta declinar.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. é verdade que falta nudez masculina e sobra nudez feminina, mas não sei se queria encarar as vergonhas do Agostinho hahah

    ResponderExcluir
  11. Déia, tens razão! Bunda feminina pode mostrar, mas vai alguém colocar um homem de bunda de fora... é aquele escarcéu! Como foi naquela abertura de novela, lembra?

    Bejos

    ResponderExcluir
  12. Patry, eu concordo quando a nudez é gratuita fica um tremendo mau gosto, poréma cho que o ator foi infeliz na colocação. Fica claríssimo que a irritação dele foi devido a cena da namorada no filme do Selton Mello. Acho hipócrita da parte dele.

    ResponderExcluir
  13. Oi Wans! Eu também acho que o ciúmes foi a maior motivação dele. E ele exagerou no tom. Agora tá dizendo que foi mal compreendido.

    Beijos

    ResponderExcluir
  14. ESTÃO QUERENDO CONFUNDIR CULTURA COM SAFADEZA.ESSE NEGÓCIO DE NU ARTÍSTICO NÃO EXISTE,OU ESTÁ,OU NÃO ESTÁ.E QUEM DESEJAR FICAR QUE VÁ PARA BEM LONGE DA VEDADEIRA CULTURA BRASILEIRA.NO MÍNIMO DEVERIAM AVISAR SE NO FILME OU TEATRO APRESENTA CENAS DE NUDEZ PARA EVITAR CONSTRAGIMENTOS DESNECESSÁRIOS PARA AS PESSOAS DE BEM.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Meus Furacõezinhos!

Ovono