Bunka Matsuri

Domingo foi dia de passear no bairro da Liberdade. Fomos à festa da cultura japonesa, a Bunka Matsuri, realizada na Sociedade de Cultura Japonesa (Bunkyo). Wally, mamãe e eu fomos lá para conferir a participação da Sugarbaby e seus origamis no evento. Ela foi dar aulas de origamis e vender seus trabalhos. Eu fui convocada para tirar as fotos e Guilherme foi o ajudante oficial. Ficou de vendedor de origamis durante todo o evento. E cadê o Gui nas fotos? Não consegui tirar nenhuma, pois ele fugia da minha câmera mais do que celebridade foge de papparazzo. É, meu amiguinho estava tímido ao extremo e por isso não tenho fotos da sua estréia como vendedor de origamis.

Enquanto mamãe e eu ficamos observando a oficina de origami, Wally foi se aventurar no idioma Japonês. Ele fez uma aula demonstrativa de Japonês no stand da Kumon. Ele adorou a aula. Eu fiquei só olhando, acho que nunca conseguiria aprender Japonês. Impossível eu conseguir desenhar as letras em Japonês, não tenho cordenação motora para tanto, isso sem falar na estrutura do idioma que é muito complexa.

A festa estava bem grande e bonita. Logo na entrada do evento fiquei encantada com os enfeites em kirigami que estavam presos no teto. Logo ao lado havia uma exposição de ikebana. Os arranjos de flores estavam lindos.

Do lado de fora do local do evento estavam expostos vários Yukis, bonecos em estilo toy art que foram criados no ano passado durante as celebrações do centenário da imigração japonesa. Ano passado eles ficaram expostos pelas ruas da cidade, mas eu não tive sorte de encontrar com nenhum deles. Mas ontem vi um monte deles e claro, fiz questão de registrar o meu encontro com estes bonequinhos tão simpáticos e esquisitinhos.

O melhor de tudo foi que eu vi o meu preferido de perto, o bonequinho fantasiado de ninja. Adoro este tipo de intervenção artística no meio das cidades. Desde da Cow parade, passando pelos leões de Munique, que faço questão de registrar os meus encontros estas esculturas modernas e sempre muito coloridas. E assim, ao lado dos bonequinhos, que a nossa visita ao bairro da Liberdade terminou. Sugarbaby e Guilherme passaram o dia lá no evento e nós fomos terminar nosso passeio com um almoço na cantina Speranza aqui de Moema.

Foi um belo domingo. :)




Comentários

  1. Deve ter sido um passeio bem bacana mesmo! Eu nem me imagino fazendo aula de japonês, deve ser totalmente diferente das línguas que conhecemos =)
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Lindo, lindo e lindo :) Adorei as fotos !!! Esse fds eu só hibernei mesmo !!
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Eu adoro as feiras japonesas por causa das flores. Eu tinha um cliente, a Sansuy, que tinha uma escultura de uma boneca japonesa em tamanho real toda coberta de flores. Chamava muito a atençao!
    Patry, faltou no teu currículo os coraçoes que foram expostos aqui em Baires na Plaza San Martín. Tomara que eles sejam expostos em SP pra vc ver! Beijinhos.

    ResponderExcluir
  4. AIIIIIIIIII,Liberdade,adoro,vc nao comeu tempura?????????

    ResponderExcluir
  5. Rê, eu também não me imagino estuadando japonês. Só se fosse mesmo necessário, por exemplo, se eu tivesse que viver por lá.

    Dany, eu pretendia hibernar também. Mas o que menos fiz foi dormir!

    Mari, eu sou frustrada por não ter conseguido ver os corazones de perto! Fiquei encantada com as fotos que vc me mandou!

    Mel, comi tempurá no sábado, quando fui em um restaurante japonês. Eu como tempurá de legumes e de sorvete!

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. uma das grandes diversões qd vou à Sampa é ir na Liberdade...aaaamo!

    ResponderExcluir
  7. Ice, passear por lá sempre é muito bacana!

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta