Amores Extraños

Será que um amor empacado pode desabrochar depois de um tempão de espera? Aquela relação que não se decide. Um gosta do outro, não necessáriamente com a mesma intensidade, mas há um tensão sexual entre o par, mesmo assim nada acontece. Pois falta iniciativa, ou até mesmo coragem, de alguém ou dos dois. Fica sempre no zero a zero. Será que está fadado ao zero a zero para sempre este quase romance?
Eu acho que dificilmente uma relação assim desencanta. Quem não teve coragem de admitir a paixão logo de cara, não vai assumí-la meses ou mesmo anos depois. Ficar alimentando esperanças é se iludir. Talvez o desejo de viver aquela história de amor impossível como nos filmes faça a pessoa continuar alimentando a ilusão, afinal a esperança é a última que morre. O problema maior é que acaba-se vivendo uma história de amor solitária. O outro só existe no imaginário, pois na vida real esquiva-se, mas ao mesmo tempo toma cuidado para esquivar-se na medida certa. Pois gosta de ter aquele alguém gostando dele, nutrindo desejos e fazendo planos. Uma pena que haja pessoas assim, que furtam-se de vivenciar experiências por puro medo. Mas de fato existem e a gente sempre escuta uma história assim vez ou outra. Em geral o final é o mesmo, nada acontece. Uma hora apaixonado acorda e percebe que não há futuro naquilo e o sentimento vai sumindo e acaba guardado num cantinho escuro do coração. É guardado, pois eu acho que estas paixões mal resolvidas nunca vão embora de vez. Ficam lá esperando um clique para voltarem com toda carga. O melhor mesmo é que o objeto da paixão nunca mais apareça para perturbar e bagunçar a vida e os sentimentos do ex-apaixonado. Mas a vida pode surpreender e o caso pode desencantar mesmo depois de anos. Tem uma história assim prestes a acontecer. O alvo da paixão ( aliás, nem sei se é uma paixão, mas que rola uma tensão sexual, tenho certeza!) tomou a iniciativa. Mandou um recadinho e pediu um encontro. Eu, como boa romântica que sou, estou na torcida para que ao menos este casal troque uns agarros que há tanto tempo estão guardados esperando para acontecer.

Há uma música que ilustra bem este tipo de relação: Amores Extraños da Laura Pausini:

Get this widget | Track details | eSnips Social DNA



Nota da blogueira: este é um post meio apressado e sonolento. Ontem a festa da Sugar foi até altas horas e a blogueira aqui está morta de sono! Aguardem pelas fotos e pelos fatos da festa! Em breve por aqui...

Comentários

  1. Espero que a pessoa tenha sorte! já passei por isso mas o trem passou e hoje somos gdes amigos... mas todos pensam q sempre somos algo mais .. mas o dois viram que o trem passou e nao entramos nele risos. Amei a pizzada

    ResponderExcluir
  2. amiga, eu já me surpreendi com conhecidos enrolados que de repente tudo acontecia. acho que tudo é possível sim. que bom, espero que tenham se divertido bastante ontem. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  3. Eu também, Peds. Um casal muito próximo se gostou em segredo durante oito anos. Hoje vivem super felizes. No amor, tudo é imprevisível!

    ResponderExcluir
  4. Já passei por situações assim, e nada aconteceu... Bom, cada caso é um caso. Tomara que sua amiga ou amigo consiga realizar seu amor platonico.

    ResponderExcluir
  5. Sugar, depois em passe as fotos! Ontem foi bem legal! Quando se perde o trem é difícil embarcar de novo!

    Pedrita, eu também conheço histórias que deram certo. Fico feliz quando isso acontece!!!

    Déia, eu concordo com você. Tudo é possível. Mas tem horas que fico um tanto cética. Odeio meu lado cético, sabia??? ehehe

    Mari, acho todo mundo deve ter ao menos uma história de amor mal resolvido pra contar. É frustrante! Por isso estou mesmo na torcida para que este casal se resolva e tire o atraso! Isso com certeza fará muito bem para eles!

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Eu tenho várias histórias de amor mal resolvidos...rs.. eu própria, eu mesma, eu eu eu ! hehehehe
    Mas continuo acreditando em amores impossíveis.

    Beijocas

    ResponderExcluir
  7. Eu também acho que é difícil desenrolar depois de um certo tempo. Nunca vi acontecer com alguém próximo e muito menos comigo. Mas se vocês dizem que existe, eu acredito :)

    ResponderExcluir
  8. Essa coisa de idealizar um amor por muito tempo parece coisa de filme, mas todo mundo já passou por algo parecido um dia, com certeza. Não sei dizer se está fadado ao fracasso só por ser meio platônico, já vi histórias boas e ruins, o que importa é a pessoa saber quando é hora de deixar isso de lado e viver a vida de verdade, seja com a pessoa idealizada ou com outra ou até sozinha...Beijos!

    ResponderExcluir
  9. Dany, na eu também acredito, mas na sexta-feira acordei cética!

    Helen, eu o otimismo das meninas me surpreendeu!

    Rê, adorei seu comentário!!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Patry, dificil achar uma pessoa mais romantica do que eu, entao acho que todas as historias sao possiveis. E por na pratica uma "energia" reprimida, nao tem preço! hahaha Eu ja vivi historias assim, umas nao deram em nada (infelizmente), outras se realizaram e foi otimo. Tomara que seus amigos se divirtam, e depois conta pra gente se rolou, né???? Beijo!!

    ResponderExcluir
  11. Cris,não tem mesmo preço soltar todoo tesão reprimido! A história que eu comentei ainda está em compasso de espera... Mas se desencantar eu conto, claro que mantendo o sigilo dos envolvidos. :)

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta