Avalanche de Senhas



12. Este é o número de senhas diferentes que utilizo na minha vida cotidiana. É senha do cartão do banco, do site do banco, de e-mails, dos sistemas do trabalho, do meu computador, do cartão do vale-refeição e por aí vai. É muita senha. Quando dá eu tento reaproveitar e usar a mesma senha para coisas diferentes, assim é uma coisa a menos para lembrar. Tanta senha assim me estressa às vezes, pois tenho medo de esquecê-las quando precisar. Tenho medo que a cabeça dê um tilt e eu perca da minha mente todos os registros, pois eu não anoto em lugar algum. Afinal, se senha é para garantir que ninguém além de mim vai acessar a conta do banco ou de e-mail, não pode estar escrita em canto algum, senão a confidencialidade da senha já era. Nunca esqueci de fato de uma senha, salvo senha de site de compras, mas estas não entraram na minha conta, mas já tive esquecimentos momentâneos. São segundos terríveis, que não consigo lembrar a sequência certa da senha. Fico tensa quando isso acontece, mas felizmente sempre lembro a senha. Só uma vez, há muito tempo, esqueci a senha do meu cartão de débito e travei o bendito. Depois disso nunca mais faço a terceira tentativa de acertar a senha, prefiro desistir de usar o cartão e pagar de outra maneira. Tudo para não ter que ir até o banco fazer nova senha. Aliás, é uma coisa que odeio, ter que mudar as senhas. É sempre um drama escolher uma nova senha, pois ela tem que fazer algum sentido para mim e ao mesmo tempo não pode ser óbvia. Pois eu preciso saber o "significado" da senha para lembrar com facilidade, senão fica difícil para decorá-la. E agora terei que decorar mais uma senha, a do cartão de crédito. O cartão venceu e recebi um novo com esta novidade. Agora sempre que utilizar o cartão terei que informar a senha na maquininha. É ótimo no quesito segurança, mas eu não gostei da novidade não, eu uso o cartão bem pouco e vai ser duro não esquecer a tal senha. Já estou repetindo a nova senha como se fosse um mantra, tenho que decorá-la de qualquer jeito.

Esta vida moderna às vezes me atordoa por conta deste monte de senhas, mas eu não reclamo não. Adoro as facilidades dos tempos atuais, mesmo que eu tenha que decorar um zilhão de senhas diferentes. :)


Comentários

  1. Eu sempre uso as mesmas senhas quando possível, mas tem sites ou outras instituições que querem um número x de caracteres, ou só numeros, por exemplo. Aí eu tbm tento padronizar e usar números parecidos pra não esquecer, mas tem hora que não tem como. Mas só lembro de ter travado senha uma vez, do itaú online. A conta é conjunta com o Gabriel mas eu nunca uso, tanto que refiz a senha e não faço idéia de qual é, hehehe.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. realmente são senhas demais. eu fico irada qd um lugar não permite uma senha personalizada. eu tenho algumas diferentes por segurança. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  3. Rê, as senhas que a gente mal usa é que são as terríveis de guardar. Eu sempre sofro com elas!

    Pedrita, por causa das regras de cada sistema, as minhs acabam sendo bem diferentes, aí eu fico bem maluquinha tentando lembras de todas.

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Meus Furacõezinhos!

Ovono