Medo por telefone


Chega a ser bizarro, mas nem dentro da nossa própria casa temos mais sossego. Nem podemos mais atender ao telefone com tranquilidade, pois do outro lado pode haver um bandido disposto a atemorizar a pessoa que atendeu com o objetivo de arrancar dinheiro. Isso aconteceu novamente com a minha mãe e desta vez os caras conseguiram a assustar de verdade e por tabela me assustaram também, pois fiquei muito nervosa ao ver a minha mãe despesperada. Não aconteceu nada além de uma tentativa frustrada de extorsão, por conta do trote do sequestro, mas foi um baita susto.
Aconteceu no domingo à noite. Minha mãe me ligou chorando, histérica. Assustei, pois ela não é o tipo que se desespera por qualquer coisa. Ela contou que ligaram na casa dela falando que tinham sequestrado a Sugarbaby. Eu disse para a minha mãe ficar calma (o que não adiantou muito, é claro.) e que eu iria para lá imediatamente. Desliguei o telefone e liguei para o celular da Sugar no mesmo instante. No alô dela eu já soube que tudo estava bem, que era apenas um trote maldito. A sorte é que ela estava bem pertinho e chegou na casa da minha mãe bem rápido, antes de mim até, assim minha mãe viu logo que era tudo mentira e começou a se acalmar.
Eu fico com muita raiva destes malditos. Eles são insensíveis e nem cogitam que podem matar alguém de susto literalmente. Infelizmente isso já aconteceu várias vezes pelo que li nos jornais. O terror que eles fazem as pessoas passar é absurdo. Minha mãe ficou apavorada por poucos minutos, mas estes minutos devem ter sido eternos e muito penosos para ela. Uma violência absurda. Agora ela está até com medo de atender telefone. O sossego da minha mãe acabou. O telefone toca e ela se assusta. Espero que logo isso passe, ela perca o medo e que tudo se transforme apenas em uma má lembrança.


Comentários

  1. Patry,

    Bom dia!!!

    Que coisa horrorosa!!!
    Imagino com sua mãe ficou, pois só de ler meu coração disparou!!!
    Minha nossa, que mundo louco vivemos...
    Fico feliz em saber que está tudo bem...

    Beijos.

    Tininha

    ResponderExcluir
  2. Que horror Patry!! Nossa, eu sinto uma raiva tão grande quando leio casos desse tipo... e o pior é que nem tem como evitar, tem informações nossas disponíveis onde menos imaginamos e não é difícil descobrir parentesco ou detalhes da rotina de alguém, pra usar nessas ameaças. É vergonhoso e na maioria das vezes não podemos fazer nada contra isso. Comigo só aconteceu de ligarem uma vez no celular dizendo que meu marido estava me traindo num lugar tal aqui da cidade, mas foi um trote tosco porque nem sabiam nomes nem nada, então já desliguei na hora. Mas mesmo sabendo sobre essa onda de sequestro falso, como vamos ser frias a ponto de não acreditar no bandido? Uma pena :(
    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Foi terrivel mesmo pior oisso nos faz sentir cada vez mais presa dentro de casa enqto esles ficam soltos ... pq eles tem direito a liberdade nós que pagamos alto preço para ter uma segurança q hj em dia resume-se em ficar em casa com alarmes, cameras, carros qdo se ha poder monetario, blindados, ao menos com pelicula, com vidros sempre levantados, carteiras para ladroes... e se reagimos e maltratamos eles ainda escutamos que somos os culpados pela situação e que eles são coitadinhos... |Tão coitadinhos que não tem mãe pq não pensam nem por um momento se fosse a mãe deles atendendo um telefonema desses.

    ResponderExcluir
  4. já tentaram fazer isso comigo e com a minha mãe...mas a gente tem uma palavra código..se não disser essa ela sabe q é mentira!

    ResponderExcluir
  5. Já aconteceu comigo uma vez. Bem, nao necessariamente comigo, mas sim com meus roomates. Eu, obviamente, entrei em panico tb. Sao uns FDP mesmo!

    ResponderExcluir
  6. Tininha, foi terrível mesmo. Mas ainda bem que não houve nada de mais sério.

    Rê, o bandido se aproveita das pessoas vulneráveis e todos nós podemos estar no "ponto" para cair nessa. É um absurdo mesmo!

    Sugar,eu também não aceito ser colocada como culpada por estes caras serem bandidos. Eles são ruins e ponto. O resto é balela!

    Ice,que bom que vcs têm este código!

    Mari, dá medo mesmo. É um pavor pensar que alguém que a gente gosta está em apuros.

    Beijos

    ResponderExcluir
  7. já ligaram algumas vezes pra tia e pra mãe do meu marido. A mãe dele sabe que ele jamais ligaria chorando, pelo jeito dele, e sempre soube que era trote logo de cara, por sorte. E a tia dele não tem filhos, então quando um cara ligou com voz de choro gritando Mãaaaaaae, ela já sabia que era trote: respondeu no mesmo tom, Fiiiiiilho, e desligou! hahahah.

    enfim. melhor um trote que um seqüestro :/

    ResponderExcluir
  8. cara! isso tem acontecido tanto!!!
    duas vezes ja fizeram isso com a minha avó e quase a mataram de desespero.
    há duas semanas fizeram com a cunhada do meu namorado, falando sobre o filho tambem.
    mas olha marion, eu ensinei a minha avó aqui: se alguem telefonar e disser que esta com alguem de casa, é pra ela dizer o nome de alguem que a gente nao tem em casa [tipo: estao com quem? com a carla? - nao conhecemos nenhuma carla], os caras confirmam, na certa, pois nao sabem nome de ninguem e ai tu desliga de boa.

    ResponderExcluir
  9. Lu, bem melhor mesmo que foi só um trote. UFA.

    Lili, gostei da tática. Uma vez ligaram aqui em casa e o Wally que atendeu e o cara falava : Pai me salva! Aí Wally disse: pode matar, não tenho filho! Não ligaram mais depois desta!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Isso é péssimo...o pior que eles ligam a cobrar! A empregada de uma amiga minha enfartou com um desses telefonemas mas graças a Deus ela agora está bem( depois de colocar ponte de safena!!!)
    Bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta