Para Minha Mãe





Eu tenho muita sorte de filha da minha mãe. Minha mãe é uma mulher alegre, com a cabeça aberta, que sempre foi muito amorosa com as filhas e que sempre nos apoiou em tudo. Claro que houve momentos em que ela teve que ser mais dura com a gente e eu a agradeço por isso.  Ela exigia que a gente estudasse direitinho, que nunca faltasse à aula e que passasse sempre de ano.  Ficava em cima da gente!  Ainda bem, pois isso fez da Sugarbaby e de mim, mulheres responsáveis, que sabem que devem cumprir suas obrigações. 

Ela é uma mãe que respeita o espaço das filhas.  Não se mete na nossa vida, só quando é necessário e ela vê que a gente se meteu ou vai se meter em encrenca.  Nunca veio dar pitaco no meu casamento, só vem aqui em casa quando a gente convida. E detalhe, ela mora aqui pertinho e tem a chave do meu apartamento! E eu nunca precisei falar nadinha. Só de pensar naquelas mães que invadem a privacidade dos filhos  solteiros ou casados, fico até arrepiada! 

Quando ela precisou me deixar experimentar a vida longe dela, teve serenidade para aguentar a saudade sem dramas ou cobranças. Meu tempo de faculdade em Bauru ou morando em São Pedro foram mais tranquilos por causa do apoio dela. Ela soube me  dar tempo para aprender a viver longe de suas asas. Com certeza minha mãe soube me criar para o mundo. 

Gosto muito da nossa relação hoje em dia. Além de mãe e filha, somos muito amigas.  Ela não me trata como uma criancinha, algumas mães continuam fazendo isso mesmo com filhos de cabelos brancos. Me trata de igual para igual, respeita as minhas idéias e decisões. E eu as delas. E quando temos que discordar, discordamos, mas sem grandes embates.  Hoje somos duas mulheres adultas que se amam muito. Tenho a alegria de conviver bastante com a minha mãe e de poder chamá-la de amiga. 

Dizem que sou muito parecida com ela, que temos muitas semelhanças no jeito de ser.  Eu acho que sim, há muitos comportamentos iguais. Eu só não herdei dela  a grande facilidade que ela tem de se comunicar com todo mundo. Eu sou tímida e ela é uma mulher expansiva, que conversa com qualquer um sem cerimônia alguma. Confesso que queria um tiquinho deste desembaraço dela,  facilicitaria bastante coisa para mim. 

Hoje daqui a pouco vou dar um beijo e um abraço forte na Dona Anna e desejar um 'Feliz Dia das Mães'. Estou aqui curiosa para saber se ela vai gostar do presentinho que preparei especialmente para ela. Não posso dizer aqui o que é, pois minha mãe agora é uma mãe conectada e lê este blog aqui.  Aliás, está uma das grandes alegrias dos últimos tempos, minha mãe lendo os meus posts. E eu tenho que agradecer isso aos Angry Birds, pois foi este joguinho que fez ela se interessar em ter um tablet e com isso acabou entrando na internet. É, mamãe é moderna! :)


Mãe,  Feliz Dia das Mães!  Obrigada por ser esta mãe maravilhosa!!!!





Comentários

  1. realmente sua mãe é o máximo e eu adoro o bom humor dela. eu tb amo a minha mãe e tb tenho orgulho de ser filha da minha mãe. minha mãe disse q se ela adivinhasse o presente eu levava antes pra ela, levou uma semana, mas ela adivinhou. então há uma semana ela já curte o presente. não tanto pq não esfriou. ótimo domingo pra vcs. beijos, pedrita

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta