O Presente

No avião!


Quando recebemos o convite para o batizado do Bruninho,  Paula e eu confirmamos a nossa presença na hora. Mas a minha mãe disse que não iria, pois achava que a viagem seria muito cansativa. Insistimos  e ela continuava negando. Então resolvemos comprar nossas passagens.  Alguns dias depois me dei conta que o batizado seria em pleno domingo de dia das mães. Pânico geral! Como Paula e eu deixaríamos nossa mãe sozinha nesta data? Fiquei com sentimento de culpa enorme. Paula idem. Começamos a pensar como aliviar a nossa ausência como presentes ou alguma surpresa. Nada parecia bom o suficiente, até que a Paula deu a idéia de darmos de presente à ela uma passagem para Foz do Iguaçu, de surpresa mesmo. Presente perfeito! 

Demos muita sorte e conseguimos comprar a passagem da mamãe para os mesmos vôos que nós. O segredo foi guardado até o domingo de Páscoa, quando ela ganhou um envelope com a reserva de sua passagem. Ela levou um baita susto,  nem sabia o que falar. Depois de passado o susto, começou a gostar da idéia e se animar com a viagem. E como ela se animou!




Na casa do Leo, comendo empanadas Don Vito!


Minha mãe curtiu muito a viagem. Ficou muito animada em rever todo mundo. Colocou todas as fofocas em dia com as minhas tias! Adorou rever os sobrinhos. Esta viagem fez muito bem para ela, foram dias de muita alegria. 

Mãe, eu, Paula,  Leo, Tia Tecla e Bruninho




Ela ficou na casa da tia Tecla, as duas estavam inseparáveis no fim de semana, ficavam conversando até tarde da noite.  Adorou também conhecer o Bruno. Aliás, Bruno é uma gracinha de bebê. Lindo e tranquilo. 


Leti, Sandra, Sole, Vero, Tia Tecla, Ramona, mamãe e Tia Tata: as mamães da família!



Durante o almoço de celebração do batizado fizemos uma homenagem às mães.  Vero pediu fotos para todos e fez um vídeo com as fotos das mães com os filhos. Ficou bem bonito e as mães adoraram a surpresa. Ficaram emocionadas! 

Acho que esta passagem foi o melhor presente de dias das mães que demos para a mamãe. Presente que a fez sorrir e que criou lembranças maravilhosas. :) 



Comentários

  1. dilema enorme realmente. eu tb fico angustiada de ir sem a minha mãe. e ainda no dia das mães nem teria como. beijos, pedrita

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Meus Furacõezinhos!

Ovono