Espera sem fim



Me identifiquei com esta notícia. Não que eu aprove a violência como meio de protesto, afinal destruir o ônibus não vai ajudar em nada, vai somente piorar a situação, mas eu entendo muito bem a revolta dos passageiros. Pois venho sentindo a raiva que eles sentiram a semana toda. Eu tenho duas opções de linha de ônibus para ir ao trabalho. Geralmente os ônibus passam de 20 em 20 minutos e eu sempre pego o ônibus das 8:50. É o horário que funciona para mim, tudo bem que eu chego um pouco cedo ao trabalho, mas pegar mais tarde que isso é sinônimo de blogueira correndo do ponto até o trabalho para evitar um atraso, e as ruas por onde passo não são adequadas para corridas, na verdade nem são adequadas para caminhadas, pois estão em péssimo estado. Mas esta semana simplesmente nenhum dos dois ônibus têm passado no horário certo. Passam só depois das 9, um dia passou quase 9:30! Eu comecei a achar que eu estava atrasando, que meu relógio estava fora de hora e que eu por alguma razão estava perdendo os ônibus. Ontem resolvi ir bem cedo para o ponto. E lá fiquei por mais de 40 minutos e nada! Vento frio, chuva na diagonal acertando em cheio minha calça e os minutos correndo. E eu ficando nervosa. Eu cheguei em um horário onde, se tudo funcionasse como deveria, daria para pegar o ônibus das 8:20/8:30. Mas nada adiantou chegar mais cedo. Aí tive a comprovação que o problema não era meu e sim das linhas dos ônibus. Simplesmente foram abduzidos. Sumiram do mapa. E para piorar a minha raiva, toda vez que lá estou esperando no ponto, passa um ônibus das linhas que eu pego com a placa "Reservado". Dá vontade de xingar. Porque aí parece que a empresa de transporte está tirando sarro da gente. Ônibus para a gente pegar não tem, para passar vazio tem. Enfim, ontem resolvi perguntar para o cobrador o que acontecia. A resposta foi :"Culpa do trânsito". Não sei se disse a verdade ou me disse a resposta mais óbvia. Mas com isso vi que tenho que me conformar mesmo e confiar nas minhas pernas para não entrar atrasada no trabalho. Não adianta eu me estressar, o ônibus não vai passar no horário por isso. E também não vou mais sair mais cedo, não adianta fica de plantão no ponto, só serve para eu tomar mais chuva do que o habitual. É, chegar no horário aqui em São Paulo é um desafio, não se pode confiar no transporte público, o jeito mesmo é confiar na sorte, que mesmo pegando um ônibus mega-atrasado vai dar tempo.



Nota da blogueira: do ponto até a porta do meu trabalho é uma caminhada de 10 minutos em ruas esburacadas (e sujas!), tendo que esperar longos minutos para atravessar a avenida que passa por ali. É praticamente uma corrida de obstáculos!

Comentários

  1. Fica dificil depender assim de transporte publico. Me lembra quando era adolescente e tinha que estar no ponto às 4:30 para entrar às 6:00, tudo pela volta que o onibus dava.
    Torço para que isso seja apenas uma fase...
    Chuicks!

    ResponderExcluir
  2. OI marion
    realmente depender do transporte publico é ruim
    aqui em manaus alem de deficiente é caro, as empresas reclamam que não tem lucro, enquanto os onibus continuam sempre abarrotados.
    Eu faço tratamento de pele num hospital e daqui d eonde eu moro para la so passa um onibus, que faz todo o sentido leste oeste na cidade.
    Resultado ou eu pego o das 4:30 da manha e fico ate as 8 esperando atendimento ou então eu fico literalmente pendurado na porta do onibus
    é um caos
    torço para vc, assim como por mim, um dia comprar um carro
    bjão

    ResponderExcluir
  3. há vários discursos pra q as pessoas usem o transporte público e deixem o carro em casa. e olham pra gente q vai de carro como se fosse o máximo culpado pelo trânsito, mas é isso, o transporte público é um descaso. minha mãe comentou que uma amiga nossa e minha irmã estão se queixando muito que o tempo dos ônibus pioraram muito, estão mais distantes um dos outros e super lotados. outra amiga dela tem q diariamente fazer curativo na perna de um machucado de uma pessoa que chutou ela dentro do ônibus. tenebroso. minha mãe tb tem se queixado das calçadas, ela tem problema na vista e sofre. já caiu algumas vezes inclusive. mas tudo fica por isso mesmo. iam consertar todas as calçadas, só fizeram em alguns pontos nobres e pararam. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  4. Amor, hoje que fiz o post reclamação o bendito do ônibus passou na hora certa! Que coincidência!

    Gammelo, um carro facilita muito a vida. Mas antes eu tenho que aprender a dirigir ( faz séculos quue não dirijo)

    Pedrita, concordo com você. Quem anda de carra o faz muitas vezes por falta de opção no transporte público. A gente não ponte confiar no transporte da cidade e muitas vezes, dependendo do trajeto , optar por transporte público é impraticável, pois o percurso vai levar horas!

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Meus Furacõezinhos!

Ovono