Desanimação Eleitoral



Sábado eu não acreditei no que vi na TV. Pensei que era piada de algum programa humorístico, mas não, era o horário eleitoral mesmo. Neste dia estavam passando as propagandas dos candidatos ao cargo de vereador para a cidade de São Paulo e  me deparei com algo surreal: Papai Noel candidato a vereador! Com direito à barba branca e roupa vermelha! Fiquei olhando aquilo e dando risada.  Mas depois da risada veio uma sensação incômoda, um misto de revolta e tristeza. Infelizmente a eleição neste país virou um circo, as pessoas se candidatam pelo salário e não porque têm idéias e/ou projetos para melhorar a vida das pessoas.  A cada eleição  que chega, mais candidatos bizarros aparecem.  O pior é que muitos são eleitos, pois o povo acha engraçado e vota.  As pessoas não têm consciência do que implica eleger alguém para um cargo como vereador. Não pensam que aquela pessoa bizarra, se eleita, vai ter poder para decidir coisas que vão mexer com nossa vida na cidade. Alguém precisa fazer alguma coisa, é preciso ensinar às pessoas que voto é coisa séria, que não podemos desperdiçar nosso voto em pessoas que não têm nada para oferecer, que apenas estão em busca de um emprego e de alto salário, que vão tomar posse e mal vão aparecer para trabalhar.  

A eleição está chegando.  Você já sabe em quem vota para vereador?  Já pesquisou? Não deixe que os partidos escolham por você, não votem na legenda, pois não há como saber que tipo de gente eles vão indicar para o cargo. Pesquise, escolha alguém que pareça sério, alguém que de fato já fez ou tem intenção de fazer algo por nossa cidade. Apesar das bizarrices, há bons candidatos para vereador. É o que me dá um pouco de alento, pois para a eleição do prefeito, meu desânimo é total.  A cidade caminha para uma barca furada.  Sinceramente espero que as pesquisas estejam erradas e que as pessoas não votem levando em consideração os números das pesquisas. Que cada um vote no candidato que acha mais capacitado. Que vote por si só, que não vá na conversa de outros, seja quem for este outro. Que vote consciente. 


Lembre-se, se votar em qualquer um e esta pessoa começar a fazer babagem quando estiver no governo, não adianta reclamar. A culpa será sua, pois o seu voto que a elegeu.  
Pense bem antes de apertar o 'confirma' no dia 7 de outubro. Nossa cidade merece ter pessoas  sérias para administrá-la, não merece ser tratada com descaso. Eleição é coisa séria, não é momento para brincadeiras ou votos ridículos de protesto. Pense nisso.  

 

Comentários

  1. eu estava sem candidato a prefeitura, sabia em quem não ia votar, mas não sabia em quem votar. como acho importante votar em alguém no primeiro turno, acho até possível votar nulo no segundo, mas no primeiro, eu devo ao menos votar em alguém mesmo q não morra de amores. então tenho começado a escolher um e avaliar, já que sei muito pouco, ligo para alguns amigos, leio na internet, vejo entrevistas e debates, pq acho o horário político muito programado, prefiro o q é mais improvisado. infelizmente tudo é muito decorado, mas nas entrevistas é mais perceptível, mesmo treinado. eu tb não voto em legenda. tem partidos q evito ao máximo votar pela postura do partido, mas prefiro pessoas a partidos. então escolho a pessoa, não o partido. essa brincadeira agrada muito, já q votam em quem possivelmente não vai ter força política e aí os q querem mandar, ou até algo mais, ficam livres pra fazer o q querem. acho incrível quem se isenta de votar, mas depois reclama do governo. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pedrita, sou como você, só admito votar nulo no segundo turno. Se forem para o segundo turno 2 candidatos que eu abomine, não votarei em nenhum dos dois. Me recuso. Agora no primeiro turno, não dá pra fazer isso , tem que escolher um .

      Beijos

      Excluir
  2. Já escolhi o prefeito, antes mesmo de saber que ele seria o candidato, mas ainda tenho dúvidas em relação a vereador.

    É bem triste ver que as campanhas eleitorais se concentram em promessas, ataques e brigas. É bem mais importante e produtivo falar sobre a vida política, o que fez, onde estava em cada época, enfim, contar a história e mostrar que realmente merece a nossa confiança.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que sorte que você já tem certeza do seu voto. Aqui em SP a situação tá bem complicada mesmo. O jeito é ter fé e torcer que vença o menos pior.

      A campanha aqui tá bem feia mesmo.

      Beijos

      Excluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta