Repulsivo




As notícias sobre denúncias de estupros em festas de faculdades são cada vez mais frequentes e isso me assusta. O ato em si já é assustador, mas o que aumenta o meu assombro é ler nestas notícias que muitos estudantes (homens e mulheres) consideram isso coisa corriqueira. Que  as meninas que denunciam são histéricas, que fazem escândalo por nada. Como assim?  Os caras forçam o ato sexual com as garotas e acham isso normal? E o pior, tem mulher que acha isso normal! Li  que tem uma universidade onde uma das músicas que os estudantes cantam nas festas, enaltece a prática do estupro. Chocante. Que tipo de criação estas pessoas tiveram? Os pais não ensinaram nada sobre o respeito aos outros?  Eu realmente não consigo achar uma resposta para isso.  O pior que a lei é frouxa, as faculdades também procuram encobrir os casos para não terem  o nome envolvido em escândalo. Quantos casos aconteceram e ninguém ficou sabendo porque a vítima teve medo de denunciar ou foi coagida a não denunciar. A realidade deve ser muito pior do que a gente sabe. 

Hoje cedo eu estava pensando sobre isso quando vi uma postagem de um amigo no Facebook reclamando de um cidadão que virá ao Brasil para dar palestras. O tom da postagem era de tanta revolta que fui ver quem era o fulano, pois eu nunca tinha ouvido falar. Em uma googlada eu entendi a revolta do meu amigo. O cidadão  dá cursos para ensinar homens a 'conquistarem' as mulheres. Mas não pensem que ele ensina coisas como ser gentil ou como se aproximar de uma garota de maneira bacana. Nada disso. O cara ensina como pegar mulher à força! Não estou brincando não.  Suas táticas são baseadas na intimidação e na força. O que ele chama de conquista é na verdade um ato de violência sexual. E este cidadão virá ao Brasil para dar este curso e tem gente que vai pagar caro por isso. Como pode ser permitido algo assim?  Li que o cidadão foi deportado da Austrália, quando tentou dar este curso de violência sexual.  Mas aqui não é Austrália e dúvido que aconteça alguma coisa com ele. 


Há uma petição na internet para impedir que ele entre no Brasil, mas não sei se isso vai adiantar alguma coisa. Mas eu fui lá e assinei.  O link da petição AQUI.


Eu não vou citar o nome deste cidadão aqui. Me nego escrever o nome de um ser tão escroto.  

Não é não. A mulher disse não, o cara tem que parar. Homem nenhum pode obrigar uma mulher a transar com ele. Esta cultura do sexo à força tem que ser coibida.  Como tem que ser coibido o assédio nas ruas também. É assim que começa.  Não podemos achar normal um cara falar um monte de cantadas ofensivas para as mulheres nas ruas. Isso é a ponta do problema, isso demonstra como  muitos homens acham que as mulheres estão diponíveis para suprir suas carências sexuais. Se eles querem, elas têm que querer. Da cantada baixa na rua ao estupro, o caminho não é tão longo não. Pensem nisso. 


Atualização ( 12/11 às 21 horas) : Acabo de ler que o visto para o cidadão entrar no Brasil não será concedido. Aqui tem o link do site da Marie Claire : http://revistamarieclaire.globo.com/Mulheres-do-Mundo/noticia/2014/11/brasil-vai-negar-entrada-de-americano-que-ensina-pegar-mulher-confirma-itamaraty.html




Comentários

  1. hj a leilane da globonews contava o caso do pedófilo q foi encontrado no rj. e q ele veio se esconder aqui. aí ela perguntou p q ele escolheu o brasil para se esconder? o brasil precisa parar com a impunidade e dar dinheiro para polêmica. tudo pela mídia. quem promoveu deve estar amando essa promoção toda. inacreditável. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui é o paraíso da impunidade! Quem promoveu a palestra tem que ser punido! Como algo assim pode ser permitido? beijos

      Excluir
  2. Esse cidadão me deu nojo. Não consigo acreditar que ele faça esse "trabalho" sem ninguém pra impedir! Li que ele dá as palestras em hotéis e coisas do tipo, não é nada escondido, como pode?! Simplesmente não entendo. Parece piada (de mau gosto, claro). Também assinei a petição e não sei sinceramente como o Brasil vai reagir se o cara realmente tentar vir pra cá (ou vir de fato).

    Esse assunto de violência contra a mulher me irrita demais, principalmente porque muita gente esclarecida ainda acha exagero tanta reclamação e com isso o quadro ainda demora a mudar. Mas espero que um dia mude. Pelo menos que a minha filha possa viver num mundo com mais respeito a ela.
    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Re, eu estou chocada mesmo. É nojento, é absurdo! Não se pode deixar este cara incentivando práticas de violência contra mulher. Quem promoveu o tal curso aqui tem que ser punido. Mas dúvido que aqui aconteça algo. E você disse a verdade, muita gente esclarecida tem esta mentalidade de homem das cavernas! Horrível. Beijos

      Excluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta