Romance



Encantador. Assim é o filme "Romance" (Brasil - 2008) dirigido por Guel Arraes. O filme me encantou logo de cara, o início do filme é muito envolvente. É quando somos apresentados à história de amor dos protagonistas Ana (Letícia Sabatella) e Pedro (Wagner Moura). São cenas com diálogos deliciosos, delicados e inteligentes. O casal de protagonistas parece que participa de uma dança, tamanho o entrosamento. São cenas que mesclam delicadeza e agilidade. É um filme de amor, que tem como base a história de Tristão e Isolda, que está presente de maneira marcante na vida de Ana e Pedro. Pedro é um ator e diretor de teatro que está produzindo uma montagem de Tristão e Isolda e durante os testes conhece Ana, que ele escolhe para ser a sua Isolda, e os dois acabam se apaixonando durante os ensaios da peça. E o filme nos conta como este romance fica com o sucesso profissional de Ana e o idealismo teimoso de Pedro. É até difícil comentar sobre o filme, pois fiquei encantada e emocionada com a história. Tenho vontade de escrever sobre cada detalhe, cada cena que me fez sorrir ou que me emocionou. Mas não farei, pois senão será um post- spoiler, e isso eu não quero. Estragaria o filme para quem deseja vê-lo. E é um filme que vale a pena ser visto. Os atores estão maravilhosos em cena. Letícia Sabatella está perfeita, passa emoção com o olhar. Sua personagem exala suavidade e romantismo, uma alma essencialmente romântica. Wagner Moura também está perfeito, sentimos a intensidade de seu amor, a sua insegurança e ciúmes. As interpretações estão no tom certo, sem exageros. Gostei muito da Andréa Beltrão, que faz a produtora Fernanda. Ela garante várias cenas divertidas. Uma das cenas que mais gostei foi o primeiro encontro dela com o ator malandro interpretado pelo Vladmir Britcha. O filme é essencialmente um filme de diálogos, o casal principal conversa muito, e são conversas deliciosas, muitas vezes permeadas com frases de obras literárias famosas, quase sempre regadas a vinho. Eles bebem o vinho do amor e declamam lindas palavras que me envolveram e me encantaram perdidamente. E foi perfeita a escolha da música tema do filme " Nosso Estranho Amor" de Caetano Veloso. A música se integra muito bem à história, dando um clima bem intimista em algumas cenas. Foi realmente uma sessão de cinema maravilhosa. Além do filme maravilhoso, a sala de cinema foi uma bela surpresa. Assisti no Cine Unibanco do Shopping Bourbon e me deparei com uma sala muito aconchegante. A poltrona é larga, e muito confortável, quase um sofá. Enfim, foi um filme nota dez em uma sala ótima. Uma tarde de sábado perfeita.

Vejam o filme, vocês vão se encantar também!


Nota da blogueira: Wally postou também sobre o filme. Um post lindo, que me encantou. :) Cliquem AQUI para ler.


Comentários

  1. ahhhh, vc conseguiu ver e eu não buááááááá. vc sabe né? fui no jardim sul ver com minha mãe e estava sem luz. fomos pra outro shopping e aí só era à noite, aí vimos o ótimo feliz natal. mas estou frustrada até hj pq com a falta de tempo que estou, não sei se vou conseguir. eu amo o guel arraes, adoro os dois da foto, amo eles na verdade e que foto linda. bom, não vou ler em detalhes, só se ver um dia. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. Pedrita, o filme é lindo demais. E pode ler sem medo este post e o post do Wally. Não contamos detalhe algum do filme. Mas confesso que foi difícil escrever o post sem revelar detalhes.... mas eu consegui! :) E se puder vá no cinema do Shop. Bourbon. Sala sensacional.

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Quero ve-lo!!! Dia 20 de dez. estarei por terra brazilis, assim que espero que esteja passando em Maringá. Beijocas.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta