Pensando, pensando


Quando a primavera chega começo a pensar na vida. Com a primavera vem junto meu aniversário e é inevitável pensar no meu contador de anos virando. Nunca dei muita importância para a idade, mas confesso que me assusto ao pensar em quanto já vivi. É muito tempo e às vezes não sinto que tenha vivido tanto assim, tem dias que me olho no espelho e duvido da minha própria idade. Não me sinto tão experiente quanto deveria ser, por vezes ainda sou bem ingênua e no fundo acho que me enxergo mais como uma menina do que como uma mulher adulta. Não sei se isso é um problema, talvez fosse se eu fosse irresponsável, mas este não é o caso. Tem vezes que me acho responsável demais. Mas é assim que sou. Sinceramente espero que o meu espírito sempre esteja neste equilíbrio estranho, entre a responsabilidade e a inocência. Enfim, acho que estou filosofando demais. Mas isso passa logo, basta meu aniversário chegar e tudo volta ao normal. Pelo menos este ano o inferno astral foi mais light, ficou concentrado no trabalho, a quantidade de problemas por lá aumentou que foi uma beleza nos últimos dias. Só pode ser culpa do inferno astral. Mas prefiro assim, encrencas por lá e tudo tranquilo no campo pessoal, apesar das unhadas da vida! Ando mexida também porque a novela Paraíso está terminando. Vou sentir saudades da novela, mas ao mesmo tempo estou ansiosa para ver o último capítulo que vai ao ar hoje. Ando emotiva também, esta semana li o livro Tristão e Isolda e me envolvi com a história e me emocionei. Logo escrevo um post sobre esta linda e triste história. Que a semana que vem passe logo, para que o feriado chegue logo e o meu aniversário também!

Bom fim de semana!



Nota da blogueira: Quando a primavera vai chegar de verdade? Estamos vivenciando uma primavera fantasiada de inverno! Impressionante o frio dos últimos dias. Estranho demais.


Comentários

  1. Patry, acho que vc tem essa impressao porque temos o costume de nos comparar com nossas maes quando tinham a nossa idade. Mas os tempos mudaram. MInha mae aos 34 anos já tinha 4 filhos, estava casada e tinha outras prioridades. Tenho certeza que elas gostariam de ter sido um pouco mais relaxadas e talvez pensado um pouco mais nelas mesmas.
    Por outro lado, eu nao acredito em inferno astral, mas sim em épocas difíceis. Os meses de junho a agosto sao sempre uma cruz pra mim.
    Depois que terminar Paraíso vc vai, com certeza, encontrar outra coisa que prenda tua atençao. Nao fique triste. Eu, por exemplo, sou orfã de Sex and the City, Lipstick Jungle etc... Nao há mais no ar nenhuma série que eu esteja acompanhando. Tiraram todas do ar! Lipstick Jungle, My Boys, Samantha Who, Men in Trees...TODAS!
    E com respeito ao clima, aqui em Baires essa semana tivemos a mínima de 0°C!!!!!!!!!! Que primavera! Beijinhos e bom finde!

    ResponderExcluir
  2. eu tb fico meio perturbada perto dessas datas e o passar do tempo me incomoda. me sinto bem frustrada com várias coisas. não lido muito bem com o passar do tempo. adorei as florzinhas. eu não gostei de paraíso. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  3. Eu faco 34 dia 5 que vem e vc?????

    ResponderExcluir
  4. Mari, acho que você tem razão. O ser "adulta" para nós é algo totalmente diferente do que vivenciamos hoje. O conceito é outro e parece que a gente fica presa no conceito antigo. Ah, vou ter que arranjar outra coisa mesmo pra ver, pois a nova novela das 6 parece que será péssima!

    Pedrita, eu tento não encucar. Quando vem encucação eu me livro logo delas. E eu curto fazer aniversário, gosto da celebração. Mas o avanço da idade me assusta um pouco, mas só um pouco. Nesta época a alegria é sempre maior que a encucação.

    Mel, que legal! :) Libriana como eu! Eu faço 38 dia 10! :)

    Beijinhos

    Patry

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Meus Furacõezinhos!

Ovono