Dando Um Jeito No Caos








Eu andava com a sensação que meu guarda-roupa estava desfalcado, estava sentindo falta de algumas peças. Como isso acontecia no momento que eu estava me trocando para sair para o trabalho e sem muito tempo para procurar ou mesmo pensar onde poderiam estar as peças sumidas, eu deixava pra lá e esquecia do assunto. Ontem eu encontrei as tais peças, estavam perdidas no buraco negro do meu cesto de roupas para passar! 

Esta situação é um ótimo demonstrativo de como anda caótica a minha relação com o ferro de passar. Nem sei quando a situação começou desandar, mas com certeza foi nos últimos meses de 2011. Em algum momento deixei de passar roupa uma semana e nunca mais consegui tirar o atraso. A montanha de roupas para passar só aumentava e eu não conseguia dar conta do recado. Chegou a um ponto que já nem tinha mais espaço no cesto! As roupas recém lavadas iam ficando em cima da tampa do cesto, pois dentro já estava mais do que  lotado.  Um cenário desolador. Eu bem que tentava dar um gás, passar mais, mas o cansaço e o tédio sempre me venciam. Eu não consigo ficar passando roupa por mais de uma hora, é algo fora do meu alcance. Cheguei a cogitar que o jeito seria jogar tudo numa sacola e levar na lavanderia para passar. Mas não foi preciso. Ontem comecei  a tirar o atraso e o cesto ficou pela metade! 

Consegui sair do caos por causa da folga forçada de ontem, que foi uma cortesia dos motoristas de ônibus que fizeram uma greve surpresa  logo de manhã. Eu fiquei uma hora e meia no ponto de ônibus e nada de passar ônibus das linhas que uso para ir ao trabalho. Uma situação péssima. Fiquei com muita raiva, pois odeio chegar atrasada e , mais ainda, odeio faltar ao trabalho. Mas já que não tinha como fugir da situação resolvi encarar o meu ferro de passar e dar um jeito na montanha de roupas que me assombrava.  Na segunda-feira eu já tinha passado bastante coisa, ontem repeti a dose e lá se foi metade do cesto. Agora os armários de casa estão lotados!  Fiquei feliz pelo feito, mesmo que não tenha acabado com o problema. Agora é manter a regularidade e a frequência de passar a roupa ao menos uma vez por semana, que nunca mais vou enfrentar este caos.  Sábado eu encaro o ferro de novo, aí tudo voltará ao normal de vez. Ufa.

Comentários

  1. eu raramente passo as minhas roupas, poucas precisam realmente passar. acho q a minha dificuldade é arrumar o armário, sempre penso na semana que vem que nunca chega. beijos, pedrita

    ResponderExcluir
  2. Pedrita, eu também não tenho muito ânimo para arrumar armários. Olha, na verdade eu acho que não tenho muita vocação para dona de casa. rs

    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Eu só passo roupas em situações muito especiais ou quando elas estao muito amarrotadas, ja as seco esticadas para evitar que passar, fora o gasto coma energia fisica tema energia eletrica, e se voce, (eu), não tiver pratica entao elva dez minutos de ferre ligado para passar uma camisa, asm adimiro a sua coragem, Bjo

    ResponderExcluir
  4. Gammelo, não é coragem não , é necessidade. rs

    Beijos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta