Chocada





Estou chocada com a fragilidade da vida. Novamente 2014 esfrega na cara de todo mundo que a gente não tem controle de nada. Mais uma morte repentina. Quando eu li sobre a morte do candidato à Presidência da República Eduardo Campos, levei um susto. Parecia algo muito irreal. Ontem ele estava na TV superbem, dando entrevista.  E hoje não está mais entre nós. Quis o destino que sua vida fosse interrompida num acidente de avião. Muito triste. 

A morte de alguém é algo que sempre me entristece, além de sentir pela morte da pessoa em si, sempre penso nas pessoas que ficam, naquelas que vão chorar pelo falecido. Me compadeço de sua dor. Com o candidato senti a mesma coisa, mesmo mal conhecendo sua história de vida. Fui reparar nele de fato ontem, durante a entrevista no Jornal Nacional. Fiquei triste por alguém tão moço ter sua trajetória de vida interrompida desta maneira. Uma lástima mesmo. 

Outro fato que me causa muita tristeza é a falta de respeito que as pessoas tratam a morte de alguém conhecido. Parece que esquecem que o famoso é gente também. Me dá muito nojo me deparar com comentários jocosos com a morte de alguém. Fico chocada com a frieza das pessoas. Como podem celebrar a morte de alguém?  Como podem desejar que outras pessoas estivessem no avião que caiu?  Como podem tratar a morte de alguém com tanta falta de respeito? 

Quando coisas assim acontecem eu fico muito triste e revoltada. Não consigo entender o que leva uma pessoa  tratar a morte de alguém com tanto descaso. E cada vez que um famoso morre, parece que a coisa piora. As pessoas ficam mais ácidas, mais desrespeitosas. Isso me choca. Nunca vou me acostumar com isso. Nunca mesmo.



Comentários

  1. tb fiquei chocada. eu liguei a tv na hora que mostravam o fogo e falavam que um avião tinha caído. e logo depois q existia a possibilidade de ser o avião que o eduardo campos estava. e falavam que ainda não sabiam dos sobreviventes e eu via tanto fogo, q eu me perguntava se alguém tinha sobrevivido. muito triste. tb acho um absurdo as pessoas não se silenciarem. é o mínimo. não precisa ficar chocado, triste, pode continuar a vida como se nada tivesse acontecido. o q acho péssimo tb. mas q fique quieto, q respeite a dor das pessoas que o conheciam, q conheciam os q estavam no avião.

    ResponderExcluir
  2. a rosana hermann escreveu um texto muito interessante sobre esse tema http://noticias.r7.com/blogs/querido-leitor/a-morte-de-eduardo-campos-e-a-vida-a-que-estamos-condenados/2014/08/13/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Vamos, comente!!!

Postagens mais visitadas deste blog

Na Secadora Não!

Ovono

Papel e caneta